O Vereador Valdinho Monteiro (Evaldo dos Santos Monteiro) declarou que o “povo sente falta do governo municipal, da presença e de ações”, análise feita durante a sessão realizada em 26 de novembro. Da tribuna da Câmara, Valdinho voltou a cobrar melhor assistência para comunidades situadas na zona rural de Penedo.

Valdinho Monteiro frisou que a hora de fazer reparos nas estradas vicinais é agora, referindo-se ao período de verão. Se o problema é a máquina ‘patrol’ quebrada há mais de um ano e meio, que se faça o consertou ou então contrate equipamento para realizar os serviços, acrescentou o parlamentar.

“A gente vem cobrando é o dever de casa, não fazemos oposição radical”, declarou Valdinho ao comentar sua posição política. “Eu sou oposição sim, mas não tenho nada contra a pessoa do Március Beltrão. Quando venho à tribuna, não me refiro à vida pessoal do prefeito, nem nunca fui irresponsável e nem cheguei aqui para falar alguma mentira”, afirmou, destacando ainda a aprovação de projetos enviados pelo Poder Executivo ao bem de Penedo.

Valdinho Monteiro falou ainda sobre a entrega que será feita de um trator para a comunidade Riacho do Pedro, equipamento destinado pelo então deputado federal Alexandre Toledo por meio de emenda parlamentar.

O Vereador agradeceu pelo benefício e destacou ainda o envio de recursos pelo ex-deputado para calçamento no povoado Capela e para a Ponte do Raposo, situada entre os núcleos 1 e 2 da Coopenado. “A gente também sente falta de um deputado federal”, afirmou.

Valdinho Monteiro também externou sua gratidão à Codevasf pela retomada da obra de calçamento no povoado Riacho do Pedro e requereu envio de moção de agradecimento às jovens Ana Paula e Naira pela realização de evento relacionado ao Dia da Consciência Negra no povoado remanescente quilombola Tabuleiro dos Negros.