Garis que recolhem o lixo sem luvas, botas ou qualquer outro Equipamento de Proteção Individual (EPI) são o retrato do “amadorismo” na gestão da Prefeitura de Penedo. A análise do Vereador Dr. Raimundo (Raimundo Jorge Rosário Souza) questiona se o município não dispõe, em seu quadro de servidores, de um engenheiro em segurança do trabalho, profissional que poderia evitar a irregularidade que tem registrada em fotografias pelo parlamentar.

Outra falta de respeito apontada por Dr. Raimundo diz respeito aos ‘caceteiros’, trabalhadores que assentam paralelepípedos sem uso de EPI, conforme denunciou na tribuna da Câmara de Vereadores nesta quinta-feira, 16. “Será que o município está fornecendo o EPI e eles não estão utilizando?”, questionou o parlamentar sobre a dúvida que lhe ocorre.

“Não há mais tempo para fazer amadorismo, tem que trabalhar com profissionalismo”, afirmou em seu discurso, acrescentando que a solução para a gestão do município está na Câmara de Vereadores.

Considerando que os reclames da população – sem solução por parte do governo atual – são de conhecimento dos parlamentares penedenses, um deles pode assumir a condição de prefeito, inclusive o próprio Vereador Dr. Raimundo que já assumiu a condição de pré-candidato a Prefeito de Penedo.