Garis trajando bermudas, com luvas e calçados inadequados recolhem lixo em Penedo, descaso que o vereador Dr. Raimundo (Raimundo Jorge Rosário Souza) constatou nas ruas da cidade. Indignado com a situação, ele exige que a administração municipal tome as devidas providências, ainda que o serviço seja feito por empresa terceirizada.

“A resposta é: ah, mas não são funcionários da prefeitura, mas não foi a prefeitura de Penedo quem contratou?”, questionou o vereador, acrescentando pedido de informações sobre o valor do contrato, quanto é pago à empresa responsável pela coleta de lixo no município.

“E hoje?”

Reforçando sua preocupação com a devida prestação dos serviços públicos e o bem estar da população penedense, Dr. Raimundo fez considerações sobre o matadouro público. “Era ruim, mas pelo menos nós tínhamos a ação de um veterinário. E hoje?”, perguntou. Em aparte, Biu Idalino (José de Vormil Vasconcelos) comentou que a prefeitura deveria disponibilizar transporte para viabilizar o abate dos animais no matadouro público de Igreja Nova.

O vereador Mano da Caçamba (Armando Lima) também comentou o pronunciamento e lembrou que o governo municipal conta com um caminhão frigorífico, veículo que poderia ser usado para atender as necessidade de criadores, marchantes e população penedense.

Ao voltar a tratar do assunto, Dr. Raimundo sugeriu solução para o problema por meio do Conisul, consórcio intermunicipal no qual Penedo está inserido.

Dr. Raimundo falou ainda sobre a necessidade da retomada das transmissões das sessões da Câmara Municipal de Penedo na internet e por emissora de rádio, além da volta das reuniões na sede própria do Poder Legislativo Municipal. Ele criticou ainda os escândalos na Petrobras e a falta de cumprimento de programas de governo, rasgados no dia da vitória nas urnas, apesar do registro em cartório do documento ignorado pelos eleitos.