Representante do Iphan Alagoas atende convite da Câmara Municipal de Penedo

0
214

Ascom CMP 

A Câmara Municipal de Penedo (CMP) recebeu durante a sessão realizada no dia 22 de junho o historiador e servidor efetivo do Iphan Alagoas, Maicon Fernando Marcante, na condição de superintendente substituto do órgão federal em Alagoas.

Ele atendeu ao convite do Vereador Rodrigo Regueira para apresentar informações atualizadas sobre projetos e a atuação do Iphan em Penedo, ponto de partida da sabatina iniciada pelo parlamentar autor do convite. 

De acordo com Maicon Marcante, o Iphan Alagoas trabalha para restaurar a Igreja do Rosário e também o prédio da Associação Comercial, este visando sua adaptação ao projeto vinculado ao Centro de Convenções de Penedo, ambos ainda sem recursos garantidos.

Por outro lado, os projetos elencados como mais avançados são a recuperação da Casa de Patrimônio, espaço de visitação pública mantido pelo Iphan em imóvel utilizado por meio de regime de comodato com a Santa Casa de Misericórdia, situado próximo do Theatro Sete de Setembro; e a restauração da canoa de tolda Luzitânia, numa ação caracterizada como ‘canteiro modelo’, projeto apoiado pela Universidade Federal de Alagoas e a Prefeitura de Penedo que pode avançar para um memorial de embarcações tradicionais do Rio São Francisco a ser instalado no município.

Macion Marcante respondeu os questionamentos dos edis, de parte da assistência e ressaltou que a intenção do Iphan Alagoas é atuar de forma mais acentuada como parceiro das administrações municipais, com foco na educação patrimonial e na valorização do acervo, mantendo suas ações de fiscalização em paralelo com ações de divulgação.

O Vereador Júnior do Tó (Antônio de Figueiredo Barbosa Júnior) pede que haja bom senso e orientação por parte do Iphan, relatando o que precisou fazer para adequar a pintura da fachada da CMP, quando esteve à frente da casa legislativa.

Já o parlamentar Ernande Pinheiro cobra a recuperação do Theatro Casa de São Francisco, imóvel que pertence à Ordem Terceira Franciscana localizado próximo do palácio episcopal, enquanto que a Professora Lúcia Regueira, membro do Funpatri, pleiteou a realização de curso de pós-graduação em História de Penedo para docentes do município.

O redator e proprietário do site Diário Penedense Geraldo José também foi autorizado a fazer questionamentos, perguntando sobre a aplicação de recursos do Iphan que sempre aumentam em períodos próximos das eleições.