O Vereador Marcelo Pereira fez um convite à reflexão sobre a importância do voto, dirigindo-se especialmente aos jovens e adolescentes presentes na assistência da Câmara Municipal de Penedo, lotada por estudantes que acompanharam a sessão desta quinta-feira, 19.

O jovem parlamentar disse que ele e mais 16 mil penedenses erraram na escolha que fizeram em 2012, avaliação que faz com base no abandono em que o município se encontra. As queixas da população se confirmam a cada visita que faz, seja em bairros da cidade ou na zona rural, citando a o “posto de saúde só de fachada” do povoado Carapina, a péssima condição das estradas vicinais ou a ‘porcaria’ dos banheiros da Escola Municipal Douglas Apratto Tenório.

“Nem só de festa se vive uma cidade, nós precisamos de festa, saúde, educação, cultura”, declarou Marcelo Pereira, acrescentando que cobrará do próximo gestor a retomada do projeto Mais Cultura na orla da cidade, com programação itinerante nos bairros da cidade a cada quinze dias.

Marcelo Pereira falou ainda sobre a demolição do restaurante situado na orla de Penedo, imóvel que restava do Pavilhão do Artesanato. A destruição efetivada em plena manhã de sábado, quando se registra o maior movimento na cidade, sob a justificativa da derrubada da medida liminar que garantia a permanência do restaurante, é mais uma demonstração da falta de compromisso com o povo de Penedo.