fundamentado em sua formação cristã, o vereador Messias da Filó usou a maior parte do seu tempo na tribuna da Câmara para falar sobre o trabalho pastoral do Monsenhor Raimundo Gomes, que morreu vítima de complicações decorrentes de um AVC. O religioso tem uma folha de serviços prestados ao povo de Penedo, conforme ressaltou em suas considerações.

Fiel aos seus princípios, Messias da Filó lembrou a passagem bíblica sobre o apedrejamento de Maria Madalena, violência contida por Jesus Cristo com apenas uma frase: “Quem não tiver pecado que atire a primeira pedra”, questionamento que aplacou a ira da multidão. Ao fazer a citação, o vereador lembrou ainda que o julgamento das ações dos homens só cabe a Deus.

Em relação ao debates que presenciou naquela sessão, Messias da Filó falou da necessidade de se encontrar um ‘ponto de equilíbrio’, atitude que serve para toda a vida do ser humano.