Os vereadores aprovaram nesta quinta-feira, 11 de abril, a proposta do Poder Executivo para transporte de universitários que moram em Penedo e estudam em Arapiraca. Por unanimidade, os parlamentares autorizaram o uso de R$ 70 mil no orçamento 2013 para o fim pretendido, primeiro passo para a regulamentação do projeto de lei que a Prefeitura enviará para a Câmara.

Antes de ser votada, a sugestão do Poder Executivo para viabilizar a retomada da prestação do serviço foi discutida entre estudantes e vereadores por determinação do Presidente da Câmara Municipal de Penedo (CMP), o vereador Cidoca (Alcides de Andrade Neto/PSD). A matéria que chegou na Câmara com pedido de urgência foi retirada da pauta da sessão realizada em 04 de abril para que fosse debatida, conforme ocorreu na segunda-feira, 08, entre representantes da CMP e dos cerca de 80 universitários que estão desassistidos desde outubro de 2012.

Caráter contínuo e transporte de qualidade

Para Cidoca, a solução que vier formatada no projeto de lei deve ter caráter contínuo e assegurar transporte de qualidade. Os demais vereadores também declararam apoio à iniciativa que minimizará o problema para os estudantes, inclusive Nelsinho (Antônio Nélson Oliveira de Azevedo Júnior/PSDC). Ele criticou o valor destinado ao auxílio, recurso insuficiente para cobrir os custos de R$ 22 mil por mês, quantia paga pelas viagens diárias que ocorrem nos três turnos.

Questionado pelo vereador Júnior do Tó (Antônio Figueiredo Barbosa Júnior/PDT) sobre quanto era gasto na gestão passada com transporte dos universitários, Nelsinho – à época Chefe de Gabinete do Prefeito Israel Saldanha – declarou que o custo era incluído no contrato com a empresa responsável pela locação de veículos à prefeitura, o que também poderia ser feito na atual gestão.

Já Messias da Filó (Manoel Messias Lima/PDT) comparou a aprovação da proposta com as conquistas graduais que marcam a caminhada de qualquer ser humano, sendo o resultado da atuação conjunta entre Câmara, Prefeitura e universitários o primeiro passo em direção ao caminho que levará à solução do problema que gerou dívidas para os estudantes que ainda estão bancando o transporte com recursos próprios.