Em acordo com os líderes da Câmara, o feirante conhecido como Zé da Ladeira, teve 10 minutos para falar pela categoria.

A sessão desta última quinta-feira, 01 de junho, ficou marcada pela presença do representante dos feirantes da cidade ribeirinha de Penedo. Em acordo com os líderes de situação e oposição, o representante teve concedido cerca de dez minutos para expressar pensamentos sobre melhorias por parte do Poder Público sobre a feira de Penedo.

Em primeiro lugar, ele agradeceu ao presidente da casa, Antônio de Figueiredo Barbosa Júnior (Júnior do Tó), demais vereadores, imprensa presente e assistência em geral. No segundo momento explanou sobre o projeto do Centro da cidade. Zé da Ladeira questionou as mudanças feitas no Centro Comercial de vinte anos para cá, dando exemplo o Mercado Municipal, que segundo ele, alguns tiveram ganância para adquirir pontos e atualmente muitos se encontram fechados devido aos mesmos reclamarem do espaço reduzido disponibilizado para eles.

Zé da Ladeira pediu a participação ativa dos vereadores penedenses para o novo projeto da feira ribeirinha se transformar em shopping popular, ou seja, lojinhas adequadas para que os consumidores e comerciantes possuam uma comodidade maior.

O representante dos feirantes também teceu críticas a alguns fiscais de feira, que segundo ele, precisam de um melhor tratamento com os comerciantes que lá trabalham.

Confira sua fala na Câmara:

O Presidente Júnior do Tó entrou no assunto alegando que não tinha dúvidas que todos os vereadores iram prestar apoio aos feirantes junto a essa situação.

“Tem que ser feito alguma coisa, inclusive o secretário esteve aqui e tocou no assunto, mas tem que ser discutida com a sociedade, agora a gente tem que entender que precisa ser feito alguma coisa para melhorar a renda daqueles feirantes.” finalizou o presidente.