Atendendo convite de Valdinho Monteiro, Secretário Interino de Agricultura vai à Câmara

Pedro Soares mostrou relatório de quase dois meses no comando da Agricultura

Na última sessão ordinária realizada nesta quinta-feira, 04 de maio, na Sala de Sessões Sabino Romariz, o Secretário Municipal Interino de Agricultura, Pedro Soares, atendeu ao convite do Vereador Valdinho Monteiro (PSDB), para prestar esclarecimentos sobre a pasta em que responde como chefe temporário, a Secretaria de Agricultura.

Pedrinho, como é popularmente conhecido, pediu licença aos parlamentares e assistência para que antes de tudo pudesse mostrar um relatório de ações desenvolvidas durante este curto período em que assume interinamente a secretaria. Fazendo uso de um projetor, alguns dados foram mostrados para que os vereadores pudessem acompanhar o trabalho de toda sua equipe.

O primeiro a interagir foi o Vereador Valdinho Monteiro (PSDB). O parlamentar deixou claro que não tinha qualquer objeção pessoal contra o secretário, porém salientou que o mesmo assume várias outras secretarias, e que devido a isso, aliado ao desconhecimento técnico que a pasta exige, não poderia atuar de uma forma mais ativa que suprisse as necessidades do homem do campo.

“Hoje os agricultores estão prejudicados, por essa falha de governo de não nomear os secretários. Vossa Excelência acabou de dizer que não fez um planejamento, eu ia perguntar qual seria o seu planejamento, Vossa Excelência falou que não fez um planejamento por conta que está assumindo interinamente.  Isso é uma perca muito grande para os agricultores, nós perdemos 5 meses, estamos entrando no quinto mês de gestão, e os agricultores estão sendo prejudicados porque o prefeito não nomeou o secretário de agricultura ainda. “ disse Valdinho Monteiro.

Pedro Soares também foi indagado quanto ao planejamento feito pela equipe de Agricultura, já que o secretário alegou que como estava interinamento, ainda não tinha feito um.

“Fizemos sim, se você ver no final ali (se referindo a apresentação em slides) nós elencamos as ações prioritárias objetivos específicos do planejamento, eu apenas disse o seguinte: Quem vai rodar este planejamento é o novo secretário. Nós já começamos a fazer ações que está no novo planejamento. Eu não trabalho em qualquer unidade sem fazer um planejamento” relatou Pedro Soares.

Valdinho também questionou quanto a assistência dos técnicos agrícolas aos pequenos agricultores. Segundo o vereador, essa é uma falha crucial da administração e desconhece assistência para os agricultores de pequeno porte. Pedrinho ressaltou que não pode ser cobrado por ações de dois meses atrás, pois ainda não tinha assumido a pasta. Ele ressaltou que já foi pedido um programa de atendimento com as máquinas que o município tem. O Secretário também frisou que já se reuniu com a Secretaria de Educação, onde foi passada uma relação de produtos que o município tem interesse de comprar produtos dos agricultores penedenses.

O vereador Valdinho Monteiro também lembrou do Projeto ‘Barriga Cheia’, onde a Secretaria de Agricultura disponibilizava as sementes, a Ação Social selecionava várias famílias carentes da cidade, as usinas forneciam as terras, e as famílias entravam com a mão-de-obra cuidando dos legumes num período de três a quatro meses. O parlamentar citou que este projeto deu certo em outra gestão e essa atual deveria dar continuidade, pois segundo ele, nos últimos quatro anos da gestão passada, este projeto nunca foi reativado.

Valdinho também relatou o número muito grande de associações que possuem máquinas agrícolas e indagou ao secretário se a Agricultura teria algum plano de ação para fazer parcerias com essas associações, facilitando assim o trabalho no campo, além é claro de ajudar as associações devido as horas-máquina.

Pedro Soares respondeu ao edil alegando que anotou todas as solicitações do mesmo, e ainda o convidou para que ele, assim como qualquer outro vereador, se dirigisse até a secretaria para conversar um pouco mais sobre essas ideias que só vem a ajudar a administração e consequentemente o homem do campo.