A vereadora Lúcia Barbosa criticou a proposta de reajuste salarial apresentada pelo prefeito Március Beltrão ao funcionalismo municipal. “Esse aumento é uma falta de respeito, de se colocar no lugar do outro, é mangar da cara dos servidores”, declarou a vereadora sobre a oferta de um por cento de reajuste, dividido em três parcelas.

Além de criticar o percentual, Lúcia Barbosa questionou a paralisação da reforma do 3º Centro de Saúde, o antigo Sesp. Questionada sobre se estaria satisfeita com a obra por pessoa que não identificou em seu discurso na tribuna da Câmara na última quinta-feira, 07, ela respondeu que não.

Ainda sobre esse assunto, a vereadora afirmou que sabe dos motivos, mas não poderia revelar por falta de provas. “Eu já sei o porquê, só não posso dizer”, afirmou, citando a perseguição que sofreu por conta das críticas que fez à gestão atual.