Alcides Andrade Neto (Cidoca) – agradeceu a votação que recebeu em Penedo (8.630 votos) e e nos demais municípios alagoanos (foi votado em 96 do total de 102), situação que lhe assegura “força política”, como ressaltou, para realizar reivindicações junto ao governo estadual. Ainda com base em sua votação, o 26º mais votado entre todos os candidatos a deputado estadual, Cidoca explicou que o cálculo sobre o coeficiente eleitoral lhe tira a condição de assumir uma cadeira na ALE já em janeiro de 2015.

“Não é fácil, eu tive votação maior do que deputado com mandato e posso dizer hoje que sou representante legítimo da região do Baixo São Francisco, fui o mais votado em Penedo e Porto Real do Colégio, além dos votos que recebi em Igreja Nova e Piaçabuçu, são mais de 12 mil votos somente na nossa região, então eu posso bater na porta do governador e falar em nome do Baixo São Francisco”, afirmou Cidoca, acrescentando que fará os pleitos necessários aos municípios ribeirinhos.

Ainda sobre o período eleitoral, enquanto alguns candidatos se esforçam para apontar defeitos nos adversários, a campanha atual serviu para “limpar a imagem” do senador Fernando Collor, inocentado pela Supremo Tribunal Federal de todas as acusações que o fizeram renunciar à Presidência da República durante o processo de impeachment. Como reconhecimento ao político que tem o apoio de sua família, o povo alagoano o reconduziu ao Senado com votação superior à média anterior, saltando de 33% para 53%, segundo analisou Cidoca.

Ao encerrar seu pronunciamento, Alcides Andrade Neto frisou que não questiona o critério do coeficiente eleitoral e que sua votação pode ser mesmo considerada um “divisor de águas” na política de Penedo porque houve a união entre correntes adversárias.

“A gente conseguiu juntar vários partidos e lideranças com um intuito só: uma candidatura por Penedo! Também podia ter sido Dr. Raimundo ou o Jorginho Seixas, foi essa união que fez Penedo crescer. Pra a gente ganhar, tem que esquecer as nossas diferenças e que isso se repita nas próximas eleições”, concluiu Cidoca.

CMP  

A próxima sessão ordinária da Câmara Municipal de Penedo está marcada para quinta-feira, 23 de outubro, a partir das 14h30, no auditório da Casa de Aposentadoria. As sessões da CMP são transmitidas, ao vivo, com áudio e vídeo, através do endereço www.camarapenedo.al.gov.br

Por Fernando Vinícius – jornalista MTB 837 AL