Os documentos enviados à Câmara Municipal de Penedo (CMP), principalmente propostas para projeto de lei, continuam sendo protocolados na Secretaria da CMP apenas em sua versão impressa. Para agilizar a distribuição das matérias entre os parlamentares e as comissões permanentes, o vereador Antônio de Figueiredo Barbosa Júnior (Júnior do Tó) apresentou resolução que obriga a entrega de documentos em formato digital.

A sugestão feita durante a sessão parlamentar realizada em 07 de novembro obteve aprovação por unanimidade. Além de evitar o desperdício de tempo com a digitalização manual de toda a documentação protocolada na Secretaria da CMP, a resolução do parlamentar está em sintonia com os tempos atuais pois reduz gastos com papel, gera economia de material de expediente e acelera a distribuição de documentos de interesse de todos os treze vereadores penedenses.