Vereador apoia pleito dos Agentes de Combate às Endemias

Os Agentes de Combate de Endemias (ACEs) desempenham função importante na área de saúde pública, mas recebem salário menor dos que os Agentes Comunitários de Saúde (ACS), outro elo fundamental entre a população e assistência que deve ser fornecida pela Estratégia de Saúde da Família. Para corrigir essa distorção, o Vereador Derivan Thomaz requereu a equiparação salarial entre as categorias que atuam na Prefeitura de Penedo.

A reivindicação que atende pleito dos ACEs foi apresentada durante a sessão de 22 de agosto. Em seu discurso, o Vereador explicou que a correção proposta representa um acréscimo de apenas cerca de R$ 2 mil na folha de pagamento. “Uma insignificância para o município”, destacou, afirmando que apoio aos agentes significa oferecer condições dignas de trabalho, fardamento e material adequado, além da equiparação salarial com os Agentes de Saúde, categoria que ganha atualmente R$ 927,00.

Corte da gratificação das enfermeiras

Em relação ao corte efetuado pela Secretaria Municipal de Saúde na gratificação das enfermeiras que atuam nos postos de Penedo, Derivan Thomaz criticou a medida e perguntou qual é a solução que a pasta tem para evitar a piora da assistência à população. “Qual é a programação a partir dessa mudança?”, questionou o parlamentar sobre um eventual escalonamento de equipes da Estratégia de Saúde da Família, um rodízio de profissionais de saúde nos postos, enfim, o que foi planejado para minimizar a situação que já é ruim.

No plenário, o Vereador leu o Manifesto Contra a Perda Salarial – texto assinado pelas enfermeiras que pedem a manutenção da gratificação – e encaminhou requerimento ao Poder Executivo solicitando a reavaliação da medida. Derivan Thomaz disse ainda que o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Penedo (Sindspem) já foi acionado e atuará na questão, assegurando também seu empenho no caso porque, além de representante do povo, ele é servidor público, sindicalista e usuário do SUS.