A impossibilidade de realizar chamadas telefônicas por meio das empresas Oi, Tim, Vivo e Claro nos povoados Marituba do Peixe, Marituba de Cima, Capela, Riacho do Pedro, Marcação, Murici e Ponta da Várzea levou o vereador Derivan Thomaz a requerer a realização de audiência pública para tratar do assunto, com a participação do Ministério Público Estadual.

O parlamentar lembrou a ação realizada pela Câmara Municipal de Penedo em 2010, quando telefonemas feitos da cidade ‘entravam em área’ com Sergipe, obrigando o usuário a pagar pelo deslocamento que não existia. A cobrança indevida deixou de ocorrer após a articulação entre vereadores e a Promotoria de Justiça em Penedo.

Derivan Thomaz disse que a mesma situação ocorre agora nas comunidades rurais citadas e pede providências, acrescentando que também encaminhou a mesma solicitação à deputada estadual Jó Pereira, que terá a missão de levar a denúncia e o pedido de solução ao plenário da ALE. O vereador elogiou a audiência pública sobre a municipalização do ensino e também rechaçou a motivação política alegada por representantes da Prefeitura de Penedo no evento.