A retomada do funcionamento do Mercado Público Municipal de Penedo foi requerida pelo vereador Messias da Filó (Manoel Messias Lima/PDT) durante a sessão realizada em 14 de fevereiro. O parlamentar destacou que a reabertura do prédio situado em local de destaque do Centro Histórico penedense vai gerar empregos para cerca de 200 famílias e ainda incrementar o comércio local e a economia do município.

Messias da Filó considera que a situação atual do Mercado Público Municipal é consequência de “políticas públicas irresponsáveis” e representa um desrespeito ao patrimônio e ao povo de Penedo. Interditado e desocupado em 2007 por causa de problemas em sua estrutura, o Mercado Público Municipal foi reformado e teve concluído o processo de concorrência para uso dos pontos de venda interno e externos. Contudo, o prédio permanece fechado, o que é inadmissível, segundo o parlamentar que é comerciante em Penedo.

A preocupação do vereador Messias da Filó com o Mercado Público Municipal despertou elogios dos colegas parlamentares e um aditivo ao requerimento, colaboração do vereador Nelsinho (Antônio Nélson Oliveira de Azevedo Filho/PSDC) que pede vigilância no prédio para evitar furtos no local, problema que já ocorreu após a reforma do imóvel.

Outro assunto abordado por Messias da Filó foi a travessia de veículos nas balsas entre Penedo e Neópolis. Para o vereador, o transporte oferecido pelas duas empresas sergipanas que atuam na linha é caro e de má qualidade, principalmente nos finais de semana em que apenas uma balsa faz o transporte. A espera nas filas de veículos não deveria acontecer porque cada empresa tem duas embarcações para prestar o serviço, cobrança que o vereador está encaminhando para a Marinha e a ANTAC (Agência Nacional de Transportes Aquaviários).