Secretaria de Saúde apresenta dados em audiência pública na Câmara Municipal de Penedo

A prestação de contas da Secretaria Municipal de Saúde relativa ao terceiro quadrimestre de 2018 foi realizada nessa quinta-feira, 11, na Câmara Municipal de Penedo. Os avanços e problemas do setor foram debatidos durante cerca de três horas, com a participação de vereadores e populares.

Antes de iniciar a exposição de informações oficiais, o Secretário Pedro Madeiro destacou que a Prefeitura de Penedo investiu, em 2018, 18% de recursos próprios na saúde pública, três pontos percentuais acima do que é previsto em lei federal. Ele também explicou que a ausência de dados no Siosp (sistema alimentado pelo Ministério da Saúde) inviabilizou a realização da audiência em data anterior.

Sobre as dificuldades da pasta, Madeiro apontou a rotatividade de médicos no PSF e a ausência de profissionais para as vagas do programa Mais Médicos, carência que só pode ser suprida pelo Ministério da Saúde. Por outro lado, ele citou que ações movidas na justiça federal estão amparando a solução do problema que ocorre em nível nacional.

O gestor falou ainda sobre alterações na distribuição do colírio para pacientes com glaucoma, a distribuição de fraldas geriátricas, ampliação da assistência no Centro de Diagnóstico, rodízio para atender localidades que estão sem profissional do Mais Médicos e outros temas abordados.

Pedro Madeiro foi cobrado sobre a disponibilidade de ambulâncias para a zona rural, compromisso que assumiu com vereadores em 2018. Ele declarou que há recursos em conta, mas aguarda conclusão de licitação.

Acesso a medicamentos também gerou esclarecimentos por parte do secretário que se comprometeu em informar posteriormente assuntos questionados pelo Vereador Fagner Matias que não tiveram resposta imediata.

Acompanhe os trabalhos do Poder Legislativo Municipal

http://camarapenedo.al.gov.br/  Redes Sociais camarapenedo (Facebook e Instagram)

Texto e foto Fernando Vinícius – jornalista MTB 837/AL