A Vereadora Lúcia Barbosa declarou seu repudio ao funcionário do DMTT (Departamento Municipal de Transporte e Trânsito) que restringiu a quantidade de coletivos na última quarta-feira, 24 de junho. Apesar de não ser feriado municipal, sendo declarado apenas ponto facultativo e com o comércio local funcionando normalmente, o número de ônibus foi reduzido a partir das 11 horas.

De acordo com a Vereadora Lúcia Barbosa, a medida favoreceu alguns proprietários e prejudicou outros, referindo-se à pressão alegada pelo funcionário identificado pelo nome de Rizol para atender quem estava na condição de “serão” no dia de São João, segundo declarou o servidor do DMTT à Vereador por telefone.

A parlamentar isentou o coordenador Geraldo Sabino da responsabilidade pela medida que criticou, acrescentando que tentou falar, por telefone, como o responsável pelo DMTT, mas não conseguiu. Lúcia Barbosa pediu ainda urgência da Secretaria Municipal de Serviços Públicos para tapar buraco que coloca em risco a ponte de acesso ao povoado Ponta Mofina.

Por fim, a Vereadora agradeceu a limpeza e a reposição de lâmpadas realizada pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos no Residencial Mata Atlântica, trabalho que pediu para que seja estendido aos conjuntos Vale do Marituba e Cidade do Povo.

Em relação às apreensões de ‘cinquentinhas’ em Penedo, Lúcia Barbosa criticou a propaganda enganosa que lesou centenas de penedenses, todos incentivados a comprar uma ‘cinquentinha’ graças às promessas de não precisar da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e nem de emplacamento no Detran para guiar a motocicleta. A vereadora também afirmou que os vereadores e o Prefeito Március Beltrão estão do lado dos proprietários dos veículos.