A Câmara Municipal de Penedo (CMP) aprovou a indicação do Vereador Marcelo Pereira para que a Prefeitura institua o Programa de Valorização do Serviço Militar, proposta de ajuda os atiradores do Tiro de Guerra de Penedo. A sugestão de caráter educativo profissional cria uma ‘bolsa auxílio’ para os jovens engajados na unidade local do Exército.

Ao justificar a indicação, o Vereador que prestou serviço militar no TG de Penedo declarou que outros municípios alagoanos adotaram programa semelhante, condição que depende do Poder Executivo porque altera o orçamento municipal e a Câmara de Vereadores não pode elaborar projeto que onere os cofres públicos.
Marcelo Pereira disse ainda que a indicação foi solicitada a ele durante reunião com militares do TG de Penedo, proposta aprovada por unanimidade dos vereadores nesta quinta-feira, 28.

Transporte coletivo
Ainda na mesma reunião, os vereadores lamentaram a impossibilidade analisar a matéria que regulamenta o transporte coletivo em Penedo. Encaminhado pelo Poder Executivo, o Projeto de Lei nº 15/2015 não chegou às comissões parlamentares porque o governo municipal não respondeu ofício formalizado na sessão passada.

De autoria do Vereador Messias da Filó (Manoel Messias Lima), o documento aprovado por unanimidade em 20 de maio pergunta quantas linhas de ônibus existem no sistema municipal, quais são as linhas disponíveis e quantas estão, de fato, ativas. Os questionamentos atendem pedido de empresários do setor, mas não houve retorno da administração ao documento, o que inviabilizou a tramitação da matéria.

Tribuna parlamentar
Em relação à tribuna parlamentar, apenas os vereadores Dr. Raimundo (Raimundo Jorge Rosário Souza) e Nelsinho (Antônio Nélson Oliveira de Azevedo Filho) fizeram uso da palavra.

Primeiro orador, Dr. Raimundo cobrou da Prefeitura de Penedo instalação de abrigos nos pontos de ônibus de Penedo, de uma proteção contra as chuvas no acesso à UPA de Penedo e questionou se as gestantes receberão algum tipo de cesta nutricional, considerando que o programa desenvolvido pelo governo estadual foi suspenso.

Já o Vereador Nelsinho lamentou acontecimentos recentes que envolvem seu nome e leu uma nota de esclarecimento, texto quer pode ser conferido na íntegra no link do Vereador neste portal.