O professor e vereador Ronaldo Vicente elogiou a articulação entre Câmara Municipal de Penedo e entidades que participaram da audiência pública sobre a municipalização do Ensino Fundamental. A proposta do governo estadual e a aceitação da prefeitura, sem diálogo prévio com a sociedade – em especial a comunidade escolar estadual – resultou na mobilização que não tem caráter politiqueiro, conforme destacou o edil, ao rebater críticas.

Ainda na tribuna parlamentar, Ronaldo Vicente declarou que os diretórios estadual e municipal do partido Democratas (DEM) encaminharão documentos à Mesa Diretora da CMP, formalizando a indicação do vereador Nem Batista (Valdir Batista dos Santos), político eleito e filiado ao DEM, no chamado Bloco Independente. Segundo Vicente, o DEM não aceita a presença de Nem Batista no Bloco Social Trabalhista e exige sua saída, o que também influenciará no cálculo que estabelece a proporção de membros das duas bancadas na formação das Comissões Parlamentares Permanentes.