As prováveis consequências negativas decorrentes do processo de municipalização do ensino público, em seu nível Fundamental, não serão percebidas de imediato. Contudo, as experiências vistas e vividas pelo vereador Messias da Filó (Manoel Messias Lima) o qualificam a afirmar que o pior está por vir.

O experiente parlamentar também abordou na tribuna da Câmara Municipal de Penedo o tema que dominou a pauta da reunião realizada em 12 de fevereiro. Messias falou sobre o fim da pesquisa agropecuária em Alagoas pela Embrapa, empresa estatal federal onde trabalhou até se aposentar. Objeto de um acordo para gestão por empresa estadual, a Embrapa deixou de cumprir com sua missão.

“No primeiro momento vai ter de tudo, é uma riqueza, mas não existe um planejamento exequível, duradouro. Para os funcionários é um desastre até o dia de se aposentar, cria-se uma expectativa ruim, doentia. É por isso que eu fico com muito medo, mas não com o agora, o problema é o dia seguinte!”, afirmou Messias da Filó.