Vereadores cobram solução para questões de segurança pública em Penedo

Ascom CMP

A delegacia de Polícia Civil em Penedo funciona atualmente em imóvel alugado e com plantão apenas três dias por semana, diferente de quando era aberta diariamente – inclusive nos finais de semana e feriados – e em sede própria, imóvel transformado em Casa de Custódia que ainda não foi inaugurada, apesar da obra estar concluída.

Por conta desses problemas e do crescente número de homicídios em Penedo nos últimos 20 dias, os vereadores cobram solução por parte do governo estadual, especificamente da Secretaria de Segurança Pública.

O tema entrou em debate durante a primeira sessão legislativa realizada neste mês de março, após requerimento apresentado pelo Vereador Cidoca (Alcides Andrade Neto).

De forma unânime, os representantes da população penedense decidiram agendar audiência com o gestor da pasta estadual, Alfredo Gaspar de Mendonça Neto, para que o governo se posicionar e tomar as medidas cabíveis.

Delegacia da Mulher

A reunião ordinária de 04 de maio da Câmara Municipal de Penedo registrou ainda outra ação direcionada à segurança pública, um Projeto de Lei de autoria da Vereador Raquel Tavares que propõe a criação de uma Delegacia da Mulher em Penedo.

O objetivo é assegurar assistência e atendimento especializado para vítimas de violência doméstica, um dos crimes com maior ocorrência no município, conforme consta nos registros da Polícia Militar.